Sussurro – Hush Hush

Sussurro

Hoje vou mandar mais uma dica de livro. Uma série que foram meus últimos livros de 2010.

Nome: Sussurro (Hush Hush)
Autora: Becca Fitzpatrick
Lançamento: 01/06/2010
ISBN: 978-85-98078-78-6
Páginas: 264

“Nora é uma adolescente de 17 anos que é filha e aluna exemplar. Nada tira seu foco dos estudos, mesmo a melhor amiga Vee, que insiste em lhe arrumar um pretendente. Mas ela não se interessa por nenhum garoto até a chegada de Patch, um rapaz misterioso que vira seu parceiro na aula de biologia. Nora acaba se seduzindo por seu sorriso despretensioso e o olhar que parece enxergar através dela. Porém, uma sucessão de acontecimentos estranhos começam a acontecer com ela e Patch começa a aparecer em todos os lugares ao redor. Então Nora se vê dividida entre se entregar a paixão que sente por ele ou se livrar dos perigos que a rondam. Tentando resolver os problemas que estão aparecendo, ela se vê no meio de uma guerra entre anjos caídos e nephilins. E terá que escolher um lado, onde a escolha errada poderá lhe custar a vida.”

Um livro bom pra quem já se cansou de histórias de bruxas e vampiros (não tirando a magia deles). A moda agora são os anjos! Como eu gosto de seres sobrenaturais, não poderia deixar de ficar fora da “novidade”. Já adquiri 3 livros sobre eles, mas por enquanto só li Sussuro e Crescendo (continuação de Sussurro que ainda não saiu aqui no Brasil).

A Nora me encantou por ser uma personagem típica das histórias da Meg Cabot (que quer resolver tudo sozinha, se apaixona pelo cara bonitão e fofo/mau e vive em conflitos internos) e eu sempre me identifico com personagens assim. A história não tem nada de “tcham”, mas também te prende do início ao fim (se você gostar do estilo, claro). Li o livro em 11 horas (sim, menos de 1 dia). Aliás, engoli né? O Patch é o tipo de bad boy que toda garota quer ter ao seu lado. Mau por fora e bom por dentro, ou pelo menos enquanto tá com a “mocinha” da história. Já a Vee (melhor amiga da Nora) é o tipo de amiga sem noção que muitos gostam, mas às vezes ela perde a noção e acaba sendo chatinha com os “amores, amiga e derivados” que ela solta.

Já não queria largar o livro por causa dos conflitos da Nora sobre o Patch, mas, mais ou menos no meio do livro, eu já não queria largar pra saber sobre a história dos Nephillins e dos Anjos Caídos. Os Anjos Caídos são anjos que foram expulsos do céu por cometerem algum “pecado” (geralmente envolve se apaixonar por um humano). E o Nephillim são os filhos que os anjos tem com os humanos e são imortais.

Vale a pena a leitura! O estilo lembra muito a Meg Cabot (minha escritora favorita, diga-se de passagem). Principalmente os personagens masculinos que são irresistíveis e impossíveis de não se apaixonar por eles.

“Os olhos de Patch eram como órbitas negras. Absorviam tudo e não devolviam nada. Não que eu quisesse saber mais sobre ele. Se não gostei do que vi por fora, duvidava que fosse gostar do que espreitava lá no fundo.
O único porém era que isso não era bem a verdade. Eu adorei o que vi. Músculos longos e esguios nos braços, ombros largos, mas relaxados, e um sorriso que era meio debochado, meio sedutor. Estava difícil convencer a mim mesma de que deveria ignorar algo que já começava a parecer irresistível.”

[Contra capa do livro]

Saiba mais no site: www.seriehushhush.com.br

Deixe um comentário

Arquivado em Livros

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s